Central de Atendimento : (21) 3385-2000

Conheça nossos projetos

>>Conheça nossos projetos
Conheça nossos projetos 2017-01-23T16:52:04+00:00

PRONON

O Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (PRONON) foi instituído pela Lei nº 12.715/2012 e implantado pelo Ministério da Saúde para incentivar ações e serviços desenvolvidos por entidades, associações e fundações privadas, sem fins lucrativos, no campo da oncologia. Pessoas físicas e jurídicas que contribuírem com doações para projetos nessa área poderão beneficiar-se de deduções fiscais de 1% no Imposto de Renda devido.

Para mais informações sobre o PRONON, acesse o link abaixo:
http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/secretarias/se/se-desid-pronon

Segundo o Ministério da Saúde, Biobanco é definido como “coleção organizada de material biológico humano e informações associadas, coletado e armazenado para fins de pesquisa, conforme regulamento ou normas técnicas, éticas e operacionais predefinidas, sob responsabilidade e gerenciamento institucional dos materiais armazenados, sem fins comerciais”.

Hoje, mais do que nunca, se conhece a importância de conservar por longo tempo o material biológico obtido dos pacientes no momento da biópsia. Tal material será utilizado principalmente para o diagnóstico da doença, mas também para a pesquisa de novas moléculas (biomarcadores), que, nos dias atuais, são notavelmente úteis para guiar qual será o tratamento mais indicado e eficaz para aquele tipo de câncer.

Assim, o Banco de Tumores do Instituto COI terá o propósito de armazenamento de amostras biológicas dos pacientes com diagnóstico de câncer. Esperamos reproduzir os achados encontrados em outros países na nossa população e contribuir com novas descobertas no campo da oncologia.

Em 2014, o Instituto COI foi contemplado com a aprovação pelo PRONON do projeto: QUALICANCER-PULMÃO – AVALIAÇÃO PROSPECTIVA DE DESFECHOS CLÍNICOS E QUALIDADE DE VIDA DOS PACIENTES COM CÂNCER DE PULMÃO TRATADOS NA SAÚDE SUPLEMENTAR.

Sabe-se que o câncer de pulmão é a principal causa de morte por câncer no mundo. Apesar dos avanços recentes em relação ao diagnóstico e ao tratamento, há poucas informações sobre seu real impacto em desfechos importantes, como qualidade de vida, preferência dos pacientes, custo-utilidade e até mesmo sobrevida, principalmente no Brasil.

Nesse estudo, tais dados serão coletados no cenário da saúde suplementar (privada) brasileira, visando não só conhecer o impacto da doença nessa população, mas também compará-lo com dados de outras realidades e países. No orçamento aprovado pelo PRONON, foi contemplado o treinamento de profissionais e a aquisição de equipamentos para coleta e análise dos dados. Espera-se, com esse projeto, contribuir no futuro com informações que otimizem a alocação de recursos no país, promovendo melhor qualidade de vida para os pacientes e os familiares.

Valor total do projeto: R$ 681.921,00
Quantidade de beneficiados diretos: 100 pacientes/ano

A busca por um tratamento individualizado, mais eficaz e menos tóxico, é o objetivo que hoje norteia as principais instituições mundiais dedicadas ao tratamento de pacientes com câncer.

Pesquisas indicam que cada tipo de câncer apresenta características únicas – alguns são mais agressivos, outros respondem melhor ao tratamento. Desse modo, podem ser agrupados em subtipos moleculares com diferentes implicações prognósticas.

Para a obtenção da correta classificação ou do subtipo do tumor, baseado nas características moleculares, diferentes técnicas de laboratório, como a imuno-histoquímica e a biologia molecular, são utilizadas. Esses testes analisam o material genético do tumor e podem fornecer informações sobre a agressividade e o risco de metástases com o passar dos anos.

Portanto, espera-se que no futuro seja possível tratar cada tipo de câncer baseando-se nas diferenças moleculares que esse apresenta, oferecendo assim um tratamento sob medida e personalizado para cada paciente.

Para isso, é importante o constante investimento nas pesquisas e no estudo das características genéticas do câncer na nossa população.

Os projetos futuros de Medicina Personalizada do Grupo COI serão desenvolvidos em conjunto com o MD Anderson, hoje a maior referência mundial na pesquisa e no tratamento do câncer.

Todos os pacientes voluntários assinarão um termo de consentimento livre e esclarecido para coleta e utilização de suas amostras.

Esses projetos estão em fase de elaboração. Para isso, contamos com o seu apoio, a fim de que, em breve, se torne uma realidade.

 

Para apoiar os projetos do Instituto COI, faça uma doação.